Follow by Email

sejam bem vindos!a este cantinho...

sejam bem vindos!a este cantinho...

domingo, 8 de maio de 2011


CONFISSÃO
Que esta minha paz e este meu amado silêncio
Não iludam a ninguém
Não é a paz de uma cidade bombardeada e deserta
Nem tampouco a paz compulsória dos cemitérios
Acho-me relativamente feliz
Porque nada de exterior me acontece...
Mas,
Em mim, na minha alma,
Pressinto que vou ter um terremoto!
( Mário Quintana ) 
 

Um comentário:

Simone Martins2 disse...

Adoreiiiiiiii...forte e tempestuoso como o terremoto tsunami, invandindo e arrasando com o coração, veias e sangue...belo ao meu ponto de ver o amor quando sangra e sofre faz assim,...furia e desejo pelo diferente...bjin